Prevenção

Apesar do azeite ser há muito tempo apreciado pelas suas propriedades benéficas, estudos clínicos recentemente confirmaram uma correlação positiva entre o consumo de azeite no âmbito de uma dieta e um estilo de vida saudáveis, e a prevenção de alguns tipos de câncer, como o câncer da mama e o do cólon.

O câncer é gerado pelo crescimento de células mutantes. As células danificadas são criadas pelos radicais livres, ou entidades moleculares naturais tóxicas para o nosso organismo que entram no fluxo sanguíneo e agridem as células saudáveis. Entretanto, os antioxidantes podem neutralizar os efeitos negativos dos radicais livres, tornando-os inócuos.

O azeite é naturalmente rico me antioxidantes (biofenóis) e, portanto, é considerado um elemento fundamental no combate ao câncer.

Pesquisadores norte-americanos* descobriram que o ácido oleico, o principal ácido graxo presente no azeite, parece ter a capacidade de diminuir significativamente o risco de câncer da mama limitando a atividade do gene que é considerado o fator gerador da neoplasia. Outro estudo realizado na Espanha** evidenciou que os antioxidantes presentes no azeite (esqualenos, biofenóis, flavonoides e polifenóis) podem contribuir para diminuir o risco de surgimento do câncer intestinal.

* Escola de Medicina Feinberg, Universidade Northwestern de Chicago. ** Departamento de Gastroenterologia, Hospital Universitário Germans Trias i Pujol, Barcelona, Espanha.

prevention oil's attitude

buscar em todo o site